Mercado do Rio Vermelho é aposta como centro de culinária baiana

Mercado do Rio Vermelho é aposta como centro de culinária baiana

Por Brenda Gomes

 

A gastronomia na Bahia é um forte atrativo para os turistas que vêm ao estado e procuram experimentar o sabor regional. As tradicionais especiarias como leite de coco, gengibre, pimenta e dendê são encontradas facilmente, seja nas tradicionais barracas ou em supermercados. Recentemente, um novo centro, o Mercado do Rio Vermelho, foi reaberto para unir arte e culinária regional e facilitar a busca do cliente por essas iguarias.

No lugar da antiga Ceasinha, no boêmio bairro do Rio Vermelho, em Salvador, o espaço foi revitalizado e reinaugurado em maio deste ano, com o nome de Mercado do Rio Vermelho. O local é aposta do centro de alimentação tipicamente regional e agrada a “gregos e baianos”. “Aqui é lindo! Espaçoso, não sabia que em Salvador também tinha um mercadão desse tipo. Costumo ir muito no (mercado) de São Paulo, que lembra um pouco esse daqui”, conta a paulistana Izabel Dórea, 44. A Dona Izabel está certa quando se refere à semelhança entre os mercados do Rio Vermelho (Salvador) e o de São Paulo, pois a inspiração para a construção desse mercado aqui na capital baiana vem do Mercado Municipal paulista.

Quem também aprovou o novo mercado, tanto pela venda das iguarias regionais e pelo preço, foi a conterrânea Karine Bezerra, 25 anos: “Eu costumava comprar aqui quando era a antiga Ceasinha. Durante a reforma, passei a comprar em outros lugares e notei uma diferença exorbitante de preços. Quando aqui reinaugurou, voltei para dar uma pesquisada nos valores e ainda acho mais “em conta”, sem falar que aqui encontro de tudo, não preciso comprar cada coisa em um lugar diferente”, conta a estudante de Engenharia Química.

 

Durante o passeio pelo Mercado do Rio Vermelho, também é possível fazer refeições preparadas pelos bares e restaurantes instalados no local. No cardápio, a comida baiana, como caruru, sarapatel e bobó de camarão, atrai os clientes. É o caso do Bar e Restaurante do Edinho, gerenciado pelo Edson Alípio, famoso no local por chamar seus clientes de “sócio” e agradá-los servindo, por conta da casa, a “Gabriela”, bebida afrodisíaca com receita exclusiva dele que não revela a ninguém. No Bar e Restaurante do Edinho, a especialidade mais pedida é a Rabada com fato, conta a esposa do “sócio”, Irene Messias.

 

Ceasinha antes da reforma
Fachada MV antes da reforma . Foto: reprodução/Ebal
Ceasinha depois da reforma
Fachada MVatualmente. Foto: Raul Golinelli/GovBa

 

Mais espaçoso e ventilado, a área comercial construída cresceu 88%. Os espaços comerciais subiram de 100 para 140, sendo 171 boxes no total, segundo a Ebal (Empresa Baiana de Alimentos). O Mercado do Rio Vermelho está localizado na Av. Juracy Magalhães Júnior, 1624 – Rio Vermelho, Salvador.

 

Interior da Ceasinha antes
Interior da Ceasinha antes. Foto: Ebal
Interior da Ceasinha depois
Interior da Ceasinha atualmente. Foto: Ebal

 

One Comment

  1. cada vez que vejo esse site vejo uma postagem melhor que a outra , parabens …

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*