Bobó de Camarão. Foto: Gabrielle Ferreira.

Chef ensina a preparar Bobó de Camarão

A Bahia é uma mistura de cores e sabores. De três etnias, índio, português e africano, surgiu a nossa culinária. Hoje, podemos saborear o resultado dessa miscigenação por toda a cidade. E foi na cozinha, da chef Tereza Paim, em seu restaurante Casa de Tereza, que ela nos ensinou a preparar um típico prato, o Bobó de Camarão. Confiram o recado da chef, em seguida, o passo a passo da receita.

Ingredientes

Ingredientes

  • 2kg de camarão médio ou grande com cabeça e cascas (descasque separando as cabeças e as casacas para o caldo. Mantenha o camarão sem cascas em geladeira ou protegidos com um paninho e coberto de gelo para não perder a textura).
  • 1 cebola média picadinha
  • 2 tomates picadinhos
  • 1 molho de coentro médio (picar metade e deixar metade inteiro para decorar)
  • 1/2 molho de cebolinha médio picado
  • 2 dentes de alho picado
  • 50g de pimentão amarelo picado
  • 50 g de pimentão vermelho picado
  • 1kg de mandioca fresca
  • 2 pimenta dedo de moça cm talo
  • 2 pimentas doces
  • sal à gosto
  • 3 pimentas doces picadinhas
  • 2 pimentas dedo de moça fresca e com talo
  • 400 ml de leite de coco fresco ou se comprar industrial escolha um que não contenha amido processado
  • 50ml de dendê fresco

 

Modo de preparo do caldo (primeira coisa a fazer)

Leve ao fogo as cabeças e cascas dos camarões com todos os temperos + 1 pimenta dedo de moça inteira com talo e 2 pimentas doces picadinhas. Cozinhe até reduzir à metade, retire a pimenta dedo de moça, bata rapidamente no liquidificador em modo pulsar 5 vezes, coe em peneira fina e reserve.

Modo de preparo

Cozinhe o aipim com sal à gosto. Inclua água fria aos poucos para provocar choque térmico. Depois de cozido, passe no processador com o leite de coco e o caldo aos poucos até obter uma massa lisa e homogênea. Leve novamente ao fogo com o dendê e mexa vigorosamente. Quando levantar fervura inclua os camarões temperados com sal, pimenta branca, pimenta doce picadinha e deixe cozinhar rapidamente. Sirva com coentro fresco e pimenta dedo de moça inteira. Bom apetite!

Rendimento: 8 pessoas

Receita Tereza Paim.

Curiosidade

Você sabia que o Bobó representa muito bem a miscigenação brasileira? O prato tem contribuição do índio, português e africano. São três culturas alimentar reunida em um prato de cor vibrante e sabor marcante. Com o índio veio a inserção da mandioca. Já o português influenciou com a técnica de preparo, a ‘caldeirada’. E por fim, quem trouxe para o Brasil o prato, por volta do século XVII,  foram os africanos e junto com eles vieram o dendê, a pimenta malagueta, o leite de coco e o inhame, que foi posteriormente substituído pela mandioca do índio.

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*