Receita do Pinho: Dioca com compota de caju e creme de castanhas

Receita do Pinho: Dioca com compota de caju e creme de castanhas

Olá pessoal, chegando a última etapa do nosso menu especial, que elegemos a farinha de mandioca como ingrediente principal de nossas receitas. Confesso a vocês que estava meio tenso com a sobremesa, mas o resultado final arrancou elogios até de quem não era tão fã assim de doces. Espero que vocês gostem e aguardem que novas receitas surgirão com ingredientes muito especiais, trabalhados de maneiras não tão convencionais.

INGREDIENTES

Para a massa
1/2 xícara de farinha de mandioca
1/4 xícara de água

Para o creme de castanhas
1 xícara de castanhas torradas sem sal
1/3 xícara de água.

Para a compota
5 Cajus (aproximadamente 300g)
300g de açúcar refinado
600ml de água
2 paus de canela (ou à gosto)
5 cravos da india (ou à gosto)

MODO DE PREPARO
Começaremos pelo creme de castanha que precisa ser feito de um dia para o outro. Coloque as catanhas (opte pelas menos torradas para que o creme não fique escuro), de molho em um recipiente com água o suficiente para cobrí-las. Deixe de molho de um dia para o outro. No dia seguinte, despreze a água em que as castanhas estavam de molho, lave-as em água corrente e depois bata no liquidificador com 1/3 de xícara de água até que a misture se torne um creme. O ponto do creme deve ser semelhante ao de um creme de leite, se ficar muito espesso pode acrescentar um pouco mais de água. Reserve na geladeira.

No intervalo de um dia para o outro, fazemos também a compota. Lave muito bem os cajus, despreze as castanhas e despreze o cabo do topo da fruta. Reserve os cajus.

Em uma panela coloque a água e o açúcar e leve ao fogo para que o açúcar dissolva e forme uma calda bem ralinha. Nesse ponto adicione os cajus e cozinhe em fogo baixo por aproximadamente 1 hora, sempre verificando a panela para que não grude no fundo. Adicione os paus de canela e os cravos da índia e cozinhe por mais 30 minutos. Espere esfriar e transfira para um pote de vidro esterilizado e reserve na geladeira.

Quando o creme já estiver pronto e a compota também, é hora de prepamos a sobremesa.

Antes de fazer a massa, devemos pré aquecer o forno em temperatura máxima. A preparação da massa é o mesmo das receitas anteriores, basta colocar a farinha em uma tigela e depois adicionar a água. Incorpore até que a mistura se torne homogênea e maleável. A massa deve ser trabalhada como se sovaria uma massa de farinha de trigo, durante uns 5 minutos mais ou menos, ou até que ela se torne elástica. Feito isso, faça um rolo com a massa e corte na metade. Essa metade corte na metade e depois corte em 2 pedaços. Faça o mesmo com a outra metade. Deverão ter 8 pedaços. Faça uma bolinha com cada pedaço de massa e com a ajuda de um rolo de macarrão, em uma superfície lisa, vá abrindo os círculos até que fiquem bem fininhos na espessura, 1 mm aproximadamente. Outro detalhe, não precisa enfarinhar a superfície pois a massa não gruda, basta a superfície estar seca e limpa.

Esquente uma frigideira antiaderente e de um em um vá assando os discos até que os dois lados estejam levemente dourados. Detalhe, quando você virar o lado à massa vai suflar (encher de ar), nesse momento você deverá transferir a o disco de massa suflado rapidamente para o forno pré aquecido e assar por uns 5 minutos ou até que esteja firme e crocante, como um biscoito. O aspecto fica como de um biscoito “Poca Zóio”, só que maior. Retire do forno e deixe esfriar.

MONTAGEM

Após o biscoito ter esfriado, bata com uma colher em um dos lado para que o topo se abra. O orifício deve ser do tamanho o suficiente para entrar uma colher de sopa.

Em um prato fundo coloque um pouco do creme de castanhas, sobreponha o biscoito assado em cima. Corte os cajus da compota em pequenos cubos e preencha todo o espaço vazio do biscoito com os cubos do doce. Finaliza com um pouco da calda e sirva em seguida para que esteja crocante.

Rendimento: 8 porções
Duração: 30 minutos para finalização e montagem.

Mais uma vez gostaria de agradecer ao pessoal da Camicado, por todo carinho que nos foi dado e por toda paciência conosco, porque haja paciência para a gente que fica sempre em busca da fotografia perfeita.

A preparação da receita foi realizada na Camicado, Salvador Shopping, em parceria com o Repórter Gourmet. Todos os utensílios e louça que foram utilizados são da loja.

*Por Felippe Augusto, o Pinho.

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*