Mil e uma noites árabe para o seu dia a dia

Mil e uma noites árabe para o seu dia a dia

Por Gabrielle Ferreira.

O kibe e a esfiha são, sem dúvida, os carros-chefes da culinária árabe, mas as delícias vindas do oriente vão muito além disso

Charuto de folha de repolho e folha de uva. Foto: Manish.
Charuto de folha de repolho e folha de uva. Foto: Manish.

Aventurar-se na cultura alimentar árabe é imergir em universo misterioso, fantástico, delicioso e de quebra, saudável. Como no conto As mil e uma Noite, onde Xerazade enfeitiçava o seu marido, o rei da Pérsia, com suas emocionantes histórias cheias de aventuras, encantos e mistérios. Ela despertou nele o interesse em todos os dias querer escutar seus contos antes de dormir. Na culinária árabe assim que tiver o primeiro contato irá querer desvendar os mistérios e sabores desse universo repleto de muitos ingredientes naturais, frescos e variados.

Hommus é pasta a base de grão de bico. Foto: Gastronomia Online.
Hommus é pasta a base de grão de bico. Foto: Gastronomia Online.

O kibe e a esfiha são, sem dúvida, os carros-chefes da culinária árabe, mas as delícias vindas do oriente vão muito além disso. Existe o Hommus que é pasta a base de grão de bico, o Mjadra arroz com lentilhas e cebola frita, a Baba Ghanouj,uma outra pasta a base de berinjela, Charuto de Fulhos de Uva, o Pernil de Cordeiro com Risoto de Damasco e muitas outras comidas do mundo árabe.

No que diz respeito aos prazeres do paladar a aprovação é unânime. E quanto aos benefícios que ela pode trazer à saúde, a nutricionista Tamires Silva, esclarece que uma alimentação saudável baseia-se no consumo adequado de alimentos naturais e integrais e que a culinárias árabe tem ingredientes permite atender a essas necessidades, “Ela oferece boas opções em suas preparações, com ótimas opções na oferta de carboidratos, leguminosas, proteínas e gorduras saudáveis essenciais ao nosso corpo, de forma variada sem monotonia”, conclui a nutricionista.

E para conhecer a cozinha árabe não é necessário ir muito longe. Seja nas praças de alimentações dos principais shoppings da cidade, ou nos restaurantes por Salvador, você terá a experiência de usar o pão como talher e se for seguir a tradição mulçumana, não irá beber nada alcoólico, pois segundo os escritos sagrados é proibido, igualmente a carne suína. Uma opção de bebida são as águas aromatizadas com rosas, laranja e anis. Elas era usualmente degustadas em festas devido às restrições religiosas.

 

Restaurantes em Salvador

 

Abdul – Aeroporto Internacional de Salvador

Telefone: (71) 3251-2522

 

O Árabe – Shopping Iguatemi

Telefone: (71) 3264-3127

 

Farid – Shopping Paralela e Shopping Salvador

Telefone: 71 3019-9928

 

Radish – Shopping Salvador

Telefone: 71 3443-1266

 

Nacif – Shopping Iguatemi

Telefone: 71 3450-6465

 

Kiberia – Rua Barão de Itapuã, 145 -Barra

Telefone: 71 3264-3602

Habib’s

Bairro: Graça, Pituba, Piatã, Boca do Rio e Dique do Tororó

Shopping Iguatemi e Shopping Bela Vista

Telefone: 71 3332-5324

 

Aladdin – Rua Portão da Piedade, 155 – Barris

 

Magid Kebaberia – Rua Guedes Cabral – Rio Vermelho

Telefone: 71 3015-3900

 

Mustafá – Rua Rodrigo Argolo, 75 – Rio Vermelho

Telefone: 71 3346-7888

 

Kebab Tropical Bar e Restaurante – Rua Almirante Marques de Leão, 18 – Barra

Telefone: 71 3267-2249

 

One Comment

  1. cada vez que vejo esse site vejo uma postagem melhor que a outra , parabens …

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*